<img height="1" width="1" style="display:none;" alt="" src="https://dc.ads.linkedin.com/collect/?pid=33098&amp;fmt=gif">

Projeto Discatel

NdP_Discatel-1São muitas as Associações com quem a Altitude Software tem colaborado ao longo dos anos, mas há uma em especial que me chamou a atenção pela iniciativa que vem realizando seu objetivo principal, e mais ainda por perceber a paixão que tem pelo seu trabalho, o presidente José Luis Goytre e sua Coordenadora Marisol Pañafiel.

 Trata-se do Projeto Discatel que pertence a Asociación Española de Expertos em Relacionamento com Clientes (AEERC). No ano de 2008 o Sr. José Luis Goytre fundou o Projeto Discatel, uma iniciativa sem precedentes que começou proporcionando empregos em posições de atendimento ao cliente a 194 pessoas com algum grau de deficiência, e que 10 anos depois, já emprega mais de 1150 pessoas.

 O principal objetivo deste projeto desde o início foi de demonstrar a possibilidade técnica além da rentabilidade económica e social do trabalho realizado por pessoas com deficiências dentro do âmbito de Contact Center, seja para ser realizado dentro das empresas ou em casos mais determinantes de mobilidade reduzida, a partir da própria residência.

 Para que esse sonho de integração se tornasse realidade, a Discatel contou desde o início há cerca de 10 anos com a colaboração e apoio da Altitude Software, que forneceu de forma gratuita cada uma das licenças de uso para colaboradores com deficiências para promover sua contratação e oferecer maior rentabilidade as empresas comprometidas com o Projeto. Desta forma, graças a esta parceria de sucesso, a Altitude Software vem envolvendo seus clientes no do Projeto Discatel.

Por conta de seu 10° aniversário, tivemos a oportunidade de receber em nosso escritório o Sr. José Luis Goytre e a Sra. Marisol Pañafiel, com os quais conversamos um pouco sobre o início e motivos do nascimento do Projeto Discatel, sua evolução e planos de futuro.

 Para mim, a vontade de levar a cabo este projeto, assim como os resultados conquistados são dignos de uma admiração. Pude sentir e constatar que o propósito desta iniciativa vai para além de oferecer um trabalho, já que eles buscam oferecer a oportunidade a seres humanos de se sentirem parte integral da sociedade e demonstrar dia a dia que independentemente de sua deficiência, são profissionais que possuem uma aptidão total para realizar seu trabalho, melhor inclusive em muitas situações, que pessoas “sem deficiência”. O trabalho realizado pela Discatel não se trata somente de incluir pessoas no mercado de trabalho, se não de se colocar no lugar daqueles que possuem dificuldades severas de mobilidade e que muitos estão longe da zona urbana. 

 Graças a esta visita e da celebração de seus 10 anos, pude conhecer mais sobre o Projeto Discatel e as pessoas que o compõe. Toda uma organização preocupada em proporcionar dignidade e inclusão de pessoas com capacidades especiais como parte integral da sociedade, como de fato o são.

 É por essas razões que me sinto muito feliz em poder compartilhar minha opinião e conhecimento acerca deste projeto, o que me motiva a buscar cada vez mais novas maneiras de contribuir e fazer com que nossa sociedade seja ainda mais consciente desta realidade, começando por mim.

São muitas as Associações com quem a Altitude Software tem colaborado ao longo dos anos, mas há uma em especial que me chamou a atenção pela iniciativa que vem realizando seu objetivo principal, e mais ainda por perceber a paixão que tem pelo seu trabalho, o presidente José Luis Goytre e sua Coordenadora Marisol Pañafiel.

 Trata-se do Projeto Discatel que pertence a Asociación Española de Expertos em Relacionamento com Clientes (AEERC). No ano de 2008 o Sr. José Luis Goytre fundou o Projeto Discatel, uma iniciativa sem precedentes que começou proporcionando empregos em posições de atendimento ao cliente a 194 pessoas com algum grau de deficiência, e que 10 anos depois, já emprega mais de 1150 pessoas.

 O principal objetivo deste projeto desde o início foi de demonstrar a possibilidade técnica além da rentabilidade económica e social do trabalho realizado por pessoas com deficiências dentro do âmbito de Contact Center, seja para ser realizado dentro das empresas ou em casos mais determinantes de mobilidade reduzida, a partir da própria residência.

 Para que esse sonho de integração se tornasse realidade, a Discatel contou desde o início há cerca de 10 anos com a colaboração e apoio da Altitude Software, que forneceu de forma gratuita cada uma das licenças de uso para colaboradores com deficiências para promover sua contratação e oferecer maior rentabilidade as empresas comprometidas com o Projeto. Desta forma, graças a esta parceria de sucesso, a Altitude Software vem envolvendo seus clientes no do Projeto Discatel.

 Por conta de seu 10° aniversário, tivemos a oportunidade de receber em nosso escritório o Sr. José Luis Goytre e a Sra. Marisol Pañafiel, com os quais conversamos um pouco sobre o início e motivos do nascimento do Projeto Discatel, sua evolução e planos de futuro.

 Para mim, a vontade de levar a cabo este projeto, assim como os resultados conquistados são dignos de uma admiração. Pude sentir e constatar que o propósito desta iniciativa vai para além de oferecer um trabalho, já que eles buscam oferecer a oportunidade a seres humanos de se sentirem parte integral da sociedade e demonstrar dia a dia que independentemente de sua deficiência, são profissionais que possuem uma aptidão total para realizar seu trabalho, melhor inclusive em muitas situações, que pessoas “sem deficiência”. O trabalho realizado pela Discatel não se trata somente de incluir pessoas no mercado de trabalho, se não de se colocar no lugar daqueles que possuem dificuldades severas de mobilidade e que muitos estão longe da zona urbana. 

 Graças a esta visita e da celebração de seus 10 anos, pude conhecer mais sobre o Projeto Discatel e as pessoas que o compõe. Toda uma organização preocupada em proporcionar dignidade e inclusão de pessoas com capacidades especiais como parte integral da sociedade, como de fato o são.

 É por essas razões que me sinto muito feliz em poder compartilhar minha opinião e conhecimento acerca deste projeto, o que me motiva a buscar cada vez mais novas maneiras de contribuir e fazer com que nossa sociedade seja ainda mais consciente desta realidade, começando por mim!

Compartilhar:
   



Mais lidos

Subscribe to Email Updates